Notice: Undefined property: stdClass::$share in /home/priscil4/public_html/tocalola.com.br/wp-content/themes/tocalola/inc/functions/nexo-likes-facebook.php on line 5

Notice: Trying to get property of non-object in /home/priscil4/public_html/tocalola.com.br/wp-content/themes/tocalola/inc/functions/nexo-likes-facebook.php on line 5
facebook instagram twitter youtube youtube
Notice: Undefined index: feed in /home/priscil4/public_html/tocalola.com.br/wp-content/themes/tocalola/header.php on line 88
12 abril 2017

Quer saber mais sobre o Método Montessori?

Ambiente Montessoriano | Método Montessori

No post anterior, eu contei que minha filha entrou para uma escola montessoriana aos oito meses e que o quartinho dela também foi criado a partir dessa concepção. Por isso, algumas pessoas me perguntaram: Mas, afinal, Método Montessori é um tipo de educação?  É uma escola? É um estilo de decoração? O método, criado em 1907 pela médica e educadora italiana Maria Montessori, é um pouco de tudo isso, mas vai além…No post de hoje, confira aspectos fundamentais para entender melhor como o método montessoriano funciona!montessori-toca-lola-2-300x218  

Com a enorme repercussão que os posts sobre ambiente montessoriano tiveram no blog, percebi que as famílias têm um real interesse em saber mais sobre esse método que eu sou tão fã. E é por isso que, antes de partirmos para a construção do ambiente montessoriano em si, hoje vamos conversar sobre aspectos fundamentais para entender melhor como o método funciona.

Acredite: pouco vale matricular o filho em uma escola montessoriana ou trocar o berço pelo colchão no chão se a família não entende e não pratica a filosofia montessori em casa.

O que acho realmente incrível nesse método é que ele não se limita aos portões da escola. Montessori compreende uma filosofia de educação que vai além da sala de aula e, para isso, toda a família deve participar do processo.  

As bases do método montessori

Partindo de um ambiente preparado sob a perspectiva da criança, o método busca estimular a autonomia, a liberdade e a autodescoberta. Essa é a explicação padrão, que a maioria já conhece.

Mas o método é muito mais do que isso: é uma forma de apresentar o mundo aos nossos pequenos, é prática, é vida, é respeito, é educação para a vida, é dia-a-dia, é conteúdo que vai muito além da forma… É design com afeto!favicon

montessori-quarto-montessoriano-toca-lola-200x300

favicon RESPEITO

Uma das principais características da filosofia montessoriana é o profundo respeito pela criança. Vocês já notaram que o príncipe William e sua esposa Kate frequentemente se agacham para falar com o filho George? Por que isso ocorre?

montessori-principe-william-kate-george-toca-lola-300x169

Até o ex-presidente americano adotou a prática ao falar com o pequeno:

montessori-principe-george-toca-lola--300x200

Como comentei no post anterior, George estuda em uma escola montessoriana e essa prática adotada pela família se chama “escuta ativa”, um jeito respeitoso de tratar as crianças, de forma que se sintam realmente ouvidas.

A criança se encontra em um mundo sensorial e perceptivo diferente do nosso. A prova mais evidente de que a estamos escutando é o contato visual.  Ao nos colocarmos na altura dos seus olhos, demonstramos que desejamos ver o mundo sob a sua perspectiva e fortalecemos os vínculos afetivos. Isso se chama empatia e transmite segurança, calma e serenidade.

É ainda mais interessante perceber o aspecto emocional desta comunicação: escutar é buscar entender o que a criança sente, não só o que diz.

favicon Valorização da vida prática

Entendendo essa postura respeitosa em relação à criança, fica mais fácil compreender que o método vai muito além da teoria, Montessori é prática aplicada ao dia-a-dia.

Por isso, o método valoriza muito as atividades de vida prática, que visam auxiliar o desenvolvimento do controle motor e das habilidades necessárias para o desempenho autônomo as atividades rotineiras.

montessori-vida-pratica-toca-lola-3-300x200

montessori-vida-pratica-toca-lola-1

montessori-vida-pratica-toca-lola-2-300x200

Trata-se de envolver a criança em um trabalho significativo e, assim, permitir que o seu potencial brilhe de forma autêntica e cresça no seu próprio ritmo.

Nós, brasileiros, temos uma forte tendência de superproteger as crianças.

O que você faria se visse uma criança com cerca de um ano puxando sozinha uma mochila de rodinhas?

Lembro que, no primeiro dia em que passei a frequentar uma escola montessoriana, minha primeira reação foi correr para tentar ajudá-la… Foi aí que me explicaram o grande “pulo do gato” para entender a Filosofia Montessori e meu entendimento sobre o método mudou totalmente…

Olhe para elas- disse a coordenadora- qual a expressão dessas crianças? É de sofrimento ou é de satisfação?

Pronto! Foi aí que “deu o click!”: Aquelas crianças estavam felizes e orgulhosas por estarem conseguindo desempenhar aquela tarefa sozinhas. favicon

favicon Autonomia e autoestima

No livro  Maria Montessori: Her Life and Work, E.M. Standing  inicia sua explicação sobre o trabalho da criança dizendo que o objetivo de seus esforços é interno, diferente do que ocorre com o adulto.

O mais importante para o adulto é o objetivo final. A criança deseja exercitar-se, aprender, viver a experiência e sentí-la de todas as maneiras.

A experiência da criança precisa ser respeitada, havendo a menor quantidade possível de interferências adultas e respeito pelo tempo necessário a cada uma para desenvolver e repetir uma atividade quantas vezes quiser. A sensação de autonomia favorece a sua autoestima, o que é fundamental para o seu desenvolvimento.

montessori-vida-pratica-toca-lola-4-300x211

O Método Montessori tem como pressuposto a liberdade. No entanto, para que esta liberdade seja proveitosa,  o ambiente deve ser preparado. “O primeiro objetivo do ambiente preparado é tornar a criança independente do adulto”, diz Standing.

E é sobre isso que falaremos no próximo post sobre o Método Montessori: como preparar um  ambiente montessoriano em casa. Fiquem comigo e confiram!

E você? O que achou da filosofia montessoriana? Vamos pensar juntos?

Deixe seus comentários e compartilhe com a gente as suas ideias e experiências!  

Um grande beijo!  

Pri Guerreiro

triangulos-1-300x233

Fontes: Lar montessori  El País

5 Comentários

  1. Patrícia veiga • em 3 de agosto 2017

    Adorei o post!

  2. ivana • em 21 de dezembro 2017

    Muito simpático seu Blog.Cai aqui pois estou com uma cliente que quer fazer um quarto montessoriano para seu filho.Adorei as dicas. Parabéns Priscila!!!

  3. Jailson Rodrigo Pacheco • em 17 de maio 2018

    Obrigado pelas informações, me ajudou muito! Parabéns pelo seu trabalho…

  4. Liz Magalhães • em 9 de fevereiro 2019

    Maravilhoso. Sempre achei legal o incentivo a autonomia e independência, faço isso junto às funcionários da empresa que trabalho e o resultado é ótimo . Tento fazer o mesmo com meus pequenos e conhecer esta filosofia só vai me enriquecer

Deixe seu comentário!

           

Método Montessori

Receba conteúdos sobre o método Montessoriano e como criar filhos plenos, criativos e autoconfiantes.