facebook instagram twitter youtube youtube
Notice: Undefined index: feed in /home/priscil4/public_html/tocalola.com.br/wp-content/themes/tocalola/header.php on line 88
22 abril 2017

Os 6 passos infalíveis para criar o “moodboard” do quarto do seu pequeno!

Criando a sua Toca | Decoração
74bbeba2dfecb1868b2da3446f4f2520-205x300

Oi pessoal! Tudo bem? Uma das coisas que mais ouço das famílias é: “Não sei por onde começar…” 😩

 Muitas vezes não é nem a falta de ideias, é justamente o excesso delas…

Um método excelente para qualquer processo criativo é fazer um “moodboard” ou quadro de inspirações. Se você nos acompanha aqui no blog, no post anterior, já aprendeu o que essa palavrinha complicada significa.

Chegou a hora, então, de aprender dicas preciosas sobre como fazer o seu, no melhor estilo Toca Lola! Prontos?  Criatividade, ativar!! 👊🏻

 bolinhas-300x38

relembrando alguns pontos importantes sobre o “moodboard”:

  coracao-pretopngsemfundo-300x300 é um método muito usado por designers de todas as áreas para organizar e traduzir visualmente uma ideia e criar o clima e o estilo do projeto.
coracao-pretopngsemfundo-300x300 não existe regra, nem prazo, nem formato padrão; cada um se expressa da sua forma e a escolha desse modo de expressão também faz parte do clima que se pretende criar.
coracao-pretopngsemfundo-300x300 a construção de um moodboard é um processo…Acredite: em um processo criativo, dificilmente a ideia “vem de cara”.
Normalmente, você começa pensando de um jeito e, à medida que vai realizando as pesquisas, vai mudando o seu quadro de inspirações. Assim, a construção de um “moodboard” é um processo. Primeiro a gente se inspira, vai amadurecendo a ideia, muda, muda… entende qual o clima que se pretende dar, depois vai à caça das peças que melhor se adequam à tríade: moodboard- projeto- orçamento.
Ok, afiados no conceito. Agora, mãos à obra!

Pensando especificamente na criação de um ambiente infantil, vamos às dicas para que você consiga criar o seu. Algumas dessas dicas são bem particulares, criadas a partir do meu método criativo, mas que certamente te ajudarão a encontrar o seu.😉

bolinhas-300x38

favicon Moodboard passo-a-passo:

I- A escolha do ponto de partida: 

Essa é uma escolha bem particular. Vai depender do que você já traz em mente para começar o seu quadro. Costumo usar uma das três opções (ou as três juntas dependendo do projeto):

coracao-pretopngsemfundo-300x300 Uma cor principal e cores complementares;

coracao-pretopngsemfundo-300x300 uma palavra ou frase que inspire o projeto;

coracao-pretopngsemfundo-300x300 Uma peça afetiva.

No quarto do bebê, essa peça pode ser algo com uma herança afetiva( objetos que contam histórias de família fazem o maior sucesso e conferem  charme e personalidade ao ambiente), ou alguma peça nova, escolhida pelo casal.

A partir da peça escolhida, você poderá escolher as outras duas e, assim, começar o seu moodboard.

Atenção: A menos que você já tenha certeza das peças que irá utilizar – o que é muito difícil no começo- neste primeiro momento, o seu quadro deve ser bem conceitual. A ideia não é amarrar o projeto, e sim, dar o tom para a mente começar a pensar nele.

cc743d53d4344cd897d97dd7c5bd510c-154x300
992df306eeb9b7ccf8281d0e6ed0db00-216x300

 

7cb67909c1f9bac2a93f45828ee337c0-189x300

II- A escolha do tipo de moodboard:

Existem dois tipos: digitais e manuais. 

Os moodboards digitais normalmente são feitos com o uso do photoshop, mas já existem diversos aplicativos bem simples,que desempenham bem essa função. Uma opção ainda mais simples é utilizar o Pinterest- que funciona como uma pasta de armazenamento das principais preferências.

Já o formato manual pode ser feito por meio de colagem, ou a partir da fixação das referências escolhidas em algum tipo de suporte. Cortiça, arame ou íman? Qual se adapta mais ao seu estilo? 27b6e05651231e1a551d32cf374de7ea-200x300

193f05adc459df4df72113db997a67fc-221x300

42814920463903007200a6083746c877-174x300

 4c71d4660f3ad435_5453-w500-h666-b0-p0-contemporary-home-office-225x300

2571120bf4fbf00f8bf23155e4b21a38-200x300

d99b07aea29ba50726b6384ac592dfc0-200x300

É claro que o formato digital é mais prático, mas, para mim, existe um forte lado lúdico e artístico na manipulação manual de imagens, materiais, cores e texturas, que torna o moodboard “analógico” realmente especial e inspirador.

Então, se você tem um pouquinho mais de tempo e paciência (coisas rara nos dias de hoje!😜), vale a pena mergulhar no melhor estilo arts and crafts! Design com afeto!favicon

III-Mergulhe no processo: pesquise! 

Pronto! Agora você já tem um pré-moodboard! Temos um ponto de partida para nossa pesquisa. É hora de mergulhar nela! Com essas referências, comece a pesquisa selecionando tudo o que te agrada sem censura. Siga sua intuição!

IV- faça a montagem do seu primeiro quadro.  

Com as referências de pesquisa nas mãos, capriche na escolha e monte a primeira composição do seu moodboard. Para o quarto do bebê, além dos 3 elementos que já citamos no item I, sugerimos que inclua:

1- Uma textura de destaque para o ambiente. Ex: um tipo de madeira, um padrão de tapete ou um tecido com uma estampa.

2- Uma foto de um ambiente que te agradou muito e que traduza o estilo que você deseja imprimir no seu espaço. (Vamos falar bastante sobre a escolha de estilo aqui no blog. 😉)

3- Um mobiliário- chave que será a base da escolha dos demais. Ex: um berço, uma caminha no chão, uma cadeira de amamentar ou um armário.

4- Um elemento decorativo de destaque. Ex: bandeirinhas de tecido, um móbile, uma pintura artística, uma peça temática especial, um quadro.

Importante: Sugerimos uma seleção de 6 a 10 imagens. Não mais do que isso para não deixar o seu quadro confuso.

V- Refresque sua mente!

Deixe o seu moodboard descansar por alguns dias e refresque sua mente.

Acredite: as ideias surgem quando a gente menos espera! Comigo surgem muito em momentos de relaxamento, como na hora do banho. Antes, quando eu corria – aliás, preciso voltara correr com urgência!🙄- era um momento especial de proliferação de ideias…

Enfim, o importante é parar um pouco de pensar no quarto do seu pequeno e deixar que as ideias venham de forma natural.

VI- Finalize seu moodboard. 

Retome o seu moodboard. O que acha? Que história ele conta? Que emoções essas imagens provocam em você?  Já está pronto ou precisa de algum ajuste?

Se for necessário, retome a pesquisa em busca dos elementos que faltam e finalize o seu moodboard.

sipsopkids-final-1-300x212

 

DSC02442-1024x768-300x225

Com o nosso quadro de inspirações nas mãos, temos um mapa para a decoração do quarto do nosso pequeno! Sigamos juntos nesse processo!

favicon Desafio: Compartilhe conosco o seu moodboard! favicon
Envie-nos uma mensagem ou marque em suas mídias sociais #moodboardminhatoca,  #tocalola. Analisaremos e compartilharemos os mais bacanas aqui no blog!!
 designcomafeto-300x102
Gostou deste post? Se gostou, não esqueça de curtir, deixar um comentário e, se possível,  nos ajudar a divulgar o blog. É rapidinho e você colabora para que a Toca Lola continue firme e forte! 
Grande beijo! Pri Guerreiro favicon
Fonte Fotos: Pinterest

1 Comentário

  1. Victória Cantarela • em 27 de maio 2020

    Que conteúdo maravilhoso. Era exatamente o que eu precisava pra clarear minha mente.
    Estou grávida e montando o quartinho compartilhado do meu filho mais velho de 6 anos, com o irmãozinho.
    Cabeça fervilhando de ideias, mas sem conseguir chegar à uma conclusão.
    Obrigada pelas dicas!!!

Deixe seu comentário!

           

Método Montessori

Receba conteúdos sobre o método Montessoriano e como criar filhos plenos, criativos e autoconfiantes.