05 Janeiro 2018

Como começar a criar a decoração do quarto do seu bebê?

Criando a sua Toca | Diário de Gestação | Diversos | Quadro de Inspirações (Moodboard) | Tendências

Como começar a criar a decoração do quarto do seu bebê? Para muitas famílias, essa é uma das mais das tarefas mais difíceis. Para mim, é um processo complexo mas delicioso, que sempre começa com a criação do moodboard, o quadro de inspirações.

Acredito que nada é gratuito no quarto de um bebê, tudo tem um significado que conta um pouco da história, do estilo de vida e da personalidade daquela família que recebe o novo membro com tanto amor.

No post de hoje eu conto um pouco sobre o processo de criação do “moodboard” para o quarto da minha filha Antonella que, como já sabem, está a caminho. Espero que curtam e se inspirem !

moodboard-quarto-do-bebe-antonella-toca-lola-p1

Como já contei por aqui, o “moodboard”, ou “quadro de inspirações”, é uma “ferramenta” muito usada por designers de todas as áreas para organizar e traduzir visualmente uma ideia e definir o “clima”e o estilo do projeto.

Na verdade, acho que metodologia seria uma palavra até mais adequada do que ferramenta para definir um quadro de inspiraçõesIsso porque, não existe uma fórmula. Você precisa entender o conceito e criar o seu jeito, a sua metodologia  própria de criação dos seus moodboards

Não existe regra, nem prazo, nem formato padrão; cada um se expressa da sua forma e essa expressão também faz parte do clima que se pretende criar.favicon

Existem diversas formas de se criar um quadro de inspirações e, por aqui, já dei dicas preciosas de como começar a criar o seu criar o seu.

Mas o post de hoje é para compartilhar com vocês a criação do” moodboard” do quarto da minha pequena. Vamos lá?

Moodboard: por onde começar? 

Escolher o ponto de partida normalmente é o mais difícil no processo criativo, em razão da enorme diversidade de opções. Você pode começar por uma cor, uma imagem e até mesmo por uma palavra! Não há limites para a criatividade! Mas é claro que você pode ir mudando de ideia pelo caminho, conforme a inspiração vai se consolidando…

E foi exatamente isso o que aconteceu comigo! Quem acompanha o blog sabe que a minha primeira inspiração para o quartinho dela tinha uma pegada mais moderna, como eu contei aqui.

Antonella-vem-aí-.TOA-LOLA

 

Mas quando comecei a compor o “moodboard”, minhas inspirações foram me levando por um outro caminho… Um lugar mais suave, mais aconchegante, mas, ainda assim, forte e moderno.

Lembram daquela sequência de posts que escrevi para o blog sobre tendências do decor infantil? Design escandinavo, cactus mexicano, flamingos, … Apesar de curtir bastante todas elas, enquanto escrevia os posts, fui ficando realmente incomodada com a falta de uma identidade realmente brasileira nessas tendências. E quando comecei a pensar no moodboard o “start” para essa mudança começou quando pensei melhor sobre o significado do nome dela: flor preciosa, de valor inestimável. A partir daí pensei em buscar uma linha verdadeiramente brasileira inspirada nesse significado…

Não aquela caricatura carnavalesca de brasilidade que vemos por aí… Buscava algo elegante, aconchegante, moderno, porém lúdico e genuinamente brasileiro. E foi aí que comecei a pensar em valorizar as nossas raízes, escolhendo com uma flor verdadeiramente nossa….

moodboard-quarto-do-bebe-antonella-toca-lola-p2

E assim surgiu o elemento principal do nosso moodboard: a flor do mandacaru.

moodboard-quarto-do-bebe-antonella-toca-lola-p3

Dessa referência, a inspiração seguiu para a escolha os materiais que comporiam o decor do espaço.

moodboard-quarto-do-bebe-antonella-toca-lola-p7

E, assim, alcançamos as referências necessárias para começarmos o projeto, que em breve mostrarei aqui para vocês: um quarto montessoriano moderno, legitimamente brasileiro, aconchegante, porém com estímulo na medida para proporcionar o desenvolvimento da minha bebê até os 3 anos.

moodboard-quarto-do-bebe-antonella-toca-lola-p9

Como disse no início, nada colocado no quarto do bebê deve ser aleatório. Cada elemento colocado traz embutida uma mensagem que pretendo passar para a minha pequena desde o nascimento e que espero que a acompanhe por toda a vida! Em breve compartilharei com vocês cada detalhe do projeto. Aguardem! 🙂

E ai, o que acharam? Se gostaram do post, não se esqueçam de curtir e deixar os seus comentários por aqui. 

Um grande beijo!

Pri Guerreiro

coracao-rosa.png.semfundo-4

 

4 Comentários

  1. Bia • em 5 de Janeiro 2018

    Adorei este Post, me deu até vontade de ter outro baby só pra experimentar compor uma idéia, do mesmo jeito que você está criando o quarto da Antonella! Muito bacana mesmo!

    • Priscila Guerreiro • em 8 de Janeiro 2018

      Adorei, Bia!! kkkk Ainda está em tempo!! A Jojô iria adorar um irmãozinho!! 🙂 Fico feliz que vc esteja gostando dos posts! É tudo feito com muito amor. 🙂 Gde Bejo! Pri

  2. Jucimara • em 7 de Janeiro 2018

    Achei lindo partir de uma referência, o nome por exemplo como você escolheu, não que facilite mas te dá um norte. Vou ter dificuldades para montar do meu bebê, pois moro em apto alugado e já vem com armários que não combinam com nada infantil ☹. Ansiosa para ver como ficou, parabéns!!!

    • Priscila Guerreiro • em 8 de Janeiro 2018

      Oi Jucimara! Fico feliz que tenha gostado! 🙂 Eu também estou vivendo um pouco essa questão pois também estamos em um apartamento alugado, que já veio com armários. Por aqui foi mais fácil resolver pois era uma cor clara, que consegui adaptar ao projeto. Mas se o seu armário não combina, existem outras soluções. A primeira é perguntar ao proprietário sobre a possibilidade de reforma, com a pintura ou a troca de portas; um bom marceneiro resolve isso fácil e muitas vezes o proprietário não se opõe. Um outra solução, se o modelo não tiver muitos detalhes, seria envelopar as portas com adesivo e trocar os puxadores. Um grande beijo, Pri.

Deixe seu comentário!

Toca Lola Club

Seja parte do Toca Lola Club: receba nossa newsletter e participe de promoções, dicas e eventos exclusivos!